sexta-feira, 19 de abril de 2013

Dia do Índio

Hoje é Dia do Índio. Crianças sairão da escola com cocar e bochechas pintadas, enquanto os índios de verdade vão sendo assassinados impunemente.

Hoje é Dia do Índio, portanto não se espante se você vir um bando de deputados correndo apavorados por aí.

Hoje é Dia do Índio, mas as obras de Belo Monte continuarão a avançar impunemente, numa frontal agressão ao Xingu, aos rios e aos índios que lá vivem, negligenciando até as medidas acordadas para concessão de licença ambiental para a megaobra.

Hoje é Dia do Ìndio, mas assim como bandido bom é bandido morto, índio bom é índio autêntico, que anda pelado e tem medo de apertar botão. Cyberíndios, ora essa, a graça não é maltratá-los por serem inocentes?

Hoje é Dia do Índio, e alguma rádio há de tocar as músicas alusivas ao tema compostas por Jorge Ben Jor, Caetano Veloso ou Renato Russo, enquanto os últimos resquícios da cultura de algumas tribos, sua língua, sua cosmovisão, vão desaparecendo para sempre.

Hoje é Dia do Índio, mas é também sexta-feita. Portanto, não estranhe se o Congresso  estiver ainda mais vazio do que costume, no país em que os Direitos Humanos são moeda de troca no Parlamento e viram plataforma para a promoção pessoal de pessoas que se dizem religiosas mas fazem do ódio a gays e do preconceito racial seu marketing pessoal.

Hoje é Dia do Índio, mas ao final da tarde, como fazem todos os dias, os telejornais anunciarão o índice Bovespa e de variação do dólar. Quanto ao sempre crescente e etariamente cada vez menor índice de suicídios nas tribos brasileiros, nem um pio, apito, sinais de fumaça ou sons onomatopaicos produzidos pelo vai-e-vem dos dedos contra a boca.

Hoje é Dia do Índio. E as chances de um bom selvagem descer de uma estrela brilhante em velocidade estonteante é inversamente proporcional à possibilidade de um deles - confundido com um mendigo, veja bem - ser queimado enquanto dorme.

Hoje é Dia do Índio, e lembrei de um poema de meu pai, que apregoava, já no título: "Um dia retornaremos à grande tribo". Em criança, ansiava; hoje temo por esse dia.


(Imagem retirada daqui)

Nenhum comentário: